terça-feira, 29 de outubro de 2013

Suco Verde do VIVO - clique no X fechar - linka o site!


Suco do Vivo

Leve vida para dentro de você

A água do suco é extraída da maçã, chuchu ou pepino. Sempre colocamos algum grão germinado. Estes variam para podermos obter vários e diferentes nutrientes. Também colocamos uma raiz, que varia entre inhame, batata-doce, batata yacon, abóbora ou cenoura.
Aí, vêm as hortaliças e as verduras: folhas de couve, acelga, alface, hortelã, erva-doce, erva-cidreira etc. Leva também um pouco de gengibre.
O princípio de ação do suco é imediato por não possuir fibras. Ele é coado em um voil bem fino e leva todo o valor nutricional dos ingredientes direto para nossa corrente sanguínea, e também a energia presente nos grãos germinados que estão em processo de explosão energética, com seu valor nutricional milhares de vezes ampliado.
Além disso, o suco também leva a grama do trigo, que possui alto teor de clorofila, contendo moléculas de magnésio que são complementares às moléculas de ferro do nosso sangue. Então, a clorofila nutre, reestrutura e desintoxica nosso sangue.
Sendo assim, nós temos aminoácidos, vitaminas, sais minerais e proteínas em um café da manhã completo.
Podemos dizer que ele é desintoxicante e energético. Um alimento completo.



segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Alimentos prbióticos - bactérias do Bem!

  O  iogurte é só um exemplo de alimento lacto-fermentado que podem fornecer vários tipos de bactérias prestativas na dieta humana.
O nome “lacto-fermento” vem da produção de acido lácteo que resulta da fermentação, mas não precisa usar o leite para isto – Existem vários outros fermentos que são feitos só com vegetais –o chucrute (sauerkraut) e o picles, por exemplo, são feitos só de legumes, e são extremamente fáceis de preparar em casa.
Alimentos fermentados tem um papel importante nas dietas tradicionais do mundo. A maioria foram criados originalmente por praticidade –para preservar os colheitas de verão e outono e fornecer sustento durante os meses escuros de inverno. Porem, muitas sociedades em climas tropicais também desenvolveram o habito de fermentar alguns alimentos. sauerkraut
Hoje a ciência explica que uma dieta rica em alimentos fermentados tem muitas vantagens para a saúde.  O processo de fermentação facilita a colonização de probióticos (bactéria beneficial), que alteram o ambiente que habitam. Eles ajudam com a digestão e eliminação, a absorção  de vitaminas, regulam o metabolismo, e fortalecem o sistema imunológico — Uma colonia de bactéria saudável elimina patógenas no primeiro contato, resultando em menos resfriados, gripes e outros tipos de infecções.
O corpo humano — e o sistema digestivo em particular– hospeda bilhões deles. De facto, ele contem 10 vezes mais bactéria do que todas as células humanas no corpo inteiro, com mais de 400 especies de bactéria. Dizer que os humanos moram simbioticamente com eles seria uma narração incompleta — Somos mais bactéria do que humano!
Fatores que desabilitam as colonias de bactéria são uso de antibióticos, dietas excessivamente ricas em carboidratos, estresse, e exposição a toxinas na dieta e no ambiente (o cloro, por exemplo). Uma falta de flora saudável pode resultar na colonização de outros organismos oportunísticos, como fungos e bactérias prejudicais (candidaisis e dysbiosis bacterial). Também resulta numa função imunológica desabilitada, aumento suscetível  a infecção, digestão fraca, e alergias.
O Chucrute ou Picles Probióticos
1 pote de vidro de 1 litro
1.5 colheres de sopa de sal marinho
2 xícaras de água filtrada
Repolho, ou uma outra combinação de legumes cruas: beterraba, nabo, cenoura, xuxu, pepino, etc.
Temperos ou ervas (opcional): alho, pimenta, pimenta do reino, cementes de coentro, cominho, mostarda, erva doce, aneto
  • Dissolva o sal na água para criar uma salmoura. (Use água distilada ou filtrada e sal marinho, se possível. O cloro mata os organismos que você quer atrair.)
  • Coloque os legumes e temperos na pote, deixando um pouco de espaço por cima. Os temperos tem a tendencia a flutuar, então, seria melhor colocar eles primeiro para ficar no fundo.
  • Junte a salmoura. Dobre uma folha de repolho e pressione ela na salmoura para submergir os legumes na água O objetivo e criar um ambiente anaeróbico protegendo os legumes da exposição ao ar. Deixe alguns centímetros de espaço entre a água e a tampa.
  • Coloque um peco de PVC em baixo da tampa antes de fechar, para prevenir a corrosão do metal.
  • Deixe os legumes descansar por 3 dias.
  • Abra o pote cada 2-3 dias para liberar gases. Fermentação pode ocorrer em poucos dias, mas para aumentar o valor nutritivo, e melhor deixar os fermentos um minimo de 5 dias.
  • Experimente eles periodicamente–Um sabor bem azedo sinaliza a produção de acido lácteo, e a presença de bactéria viva.
fermented vegetables
Para quem não esta acostumado a comer muitos fermentos, comece com duas colheres de sopa cada refeição. Muito numa vez pode causar gases e cólica. Pode gradualmente aumentar a quantidade, o trato digestivo se-acostume aos novos organismos.
Os legumes fermentados são ótimos como condimento para sanduíches, arroz, alimentos grelhados, ou saladas.
fonte: a boa yoga - portugal.

domingo, 20 de outubro de 2013

Coragem!

Coragem! 


Quando nos defrontamos com uma situação muito difícil, há sempre uma escolha: podemos ficar repletos de ressentimentos e tentar encontrar alguém ou alguma coisa em que pôr a culpa pelas nossas dificuldades ou podemos enfrentar o desafio e crescer.
A flor nos mostra o caminho, à medida que a sua paixão pela vida a conduz para fora da escuridão, para o mundo da luz. Não há nenhum sentido em lutar contra os desafios da vida ou tentar evitá-los ou negá-los. Eles estão aí, e se a semente deve transformar-se na flor, precisamos passar por eles.
A semente não pode saber o que lhe vai acontecer, a semente jamais conheceu a flor. E a semente não pode nem mesmo acreditar que traga em si a potencialidade para transformar-se em uma bela flor. Longa é a jornada, e sempre será mais seguro não entrar nessa jornada, porque o percurso é desconhecido, e nada é garantido. Nada pode ser garantido. Mil e uma são as incertezas da jornada, muitos são os imprevistos – e a semente sente-se em segurança, escondida no interior de um caroço resistente. Ainda assim ela arrisca, esforça-se; desfaz-se da carapaça dura que é a sua segurança, e começa a mover-se. A luta começa no mesmo momento: a batalha com o solo, com as pedras, com a rocha. A semente era muito resistente, mas a plantinha será muito, muito delicada, e os perigos serão muitos.


Não havia perigo para a semente, a semente poderia ter sobrevivido por milênios, mas para a plantinha os perigos são muitos. O brotinho lança-se, porém, ao desconhecido, em direção ao sol, em direção à fonte de luz, sem saber para onde, sem saber por quê. Enorme é a cruz a ser carregada, mas a semente está tomada por um sonho, e segue em frente.
Semelhante é o caminho para o homem. É árduo. Seja corajoso o bastante para transformar-se na flor que você foi feito para ser.


OSHO

Yoga a melhor definição



Um sábio yogi disse que tudo aquilo que provoca prazer, tende a gerar apego e que da mesma forma, as experiências dolorosas produzem o sentimento de aversão.

Muitos se perdem e passam pela vida apenas correndo em busca do prazer, enquanto outros apenas fogem do que é doloroso.
"Manter-se como a Testemunha de tudo isso, sem se identificar com o que se percebe, é bem melhor e 'imediatamente libertador'.
Isto é, perceber-se e manter-se como o expectador final; como a consciência que vê qualquer coisa surgir ou sumir".
E então, a partir desse novo ponto de vista, livre, constatar que no cinema da própria existência, o filme que se assiste às vezes é um drama, às vezes romance, às vezes terror e às vezes, uma grande comédia".

OM
Deni Galdeano

terça-feira, 15 de outubro de 2013

ZENGUEN SANJI Prece de Louvor a Deus

Meditemos com reverência no Senhor Bodissatwa Kannon que, ao descer do céu à terra em Komyo Nyorai, transformou-se a seguir em Ooshin Miroku e posteriormente em Messias. Salvar a todos os seres vivos é o Seu sublime anseio expurgando dos três mundos os três venenos e as cinco impurezas, para que a luz e o júbilo eterno para sempre se instalem em todos os cantos do mundo. No reino de Miroku gerado por Kannon a desordem não existe.
Venta a cada cinco dias, chove a cada dez e a brisa é tão suave que nem os galhos farfalham.
Com Sua grandiosa, infinita e ilimitada misericórdia, que até aos demônios celestes e aos diabos induz a Lhe prestarem obediência, Ele extingue os vários males e anula as leis malignas, libertando igualmente os Yashas e os Dragões.
Todos os santos homens, os Budas e os Devas podem, assim, cumprir as suas missões.
Os rios e montanhas, as plantas e as árvores recebem copiosas graças de Kannon.
As aves, os animais, os insetos e os peixes podem viver plenamente a sua vida, cada qual ocupando o seu exato lugar. E o mundo assume, então, o seu verdadeiro aspecto. Por entre as nuvens de bom presságio a estender-se pelo firmamento voa a ave do paraíso sobre a terra perfumada na qual milhares de flores exalam a sua fragrância.
Ladeada de grandes templos obnubilados pela distância destaca-se a torre sagrada com seus muitos tesouros, em cujos telhados de ouro refulgem os raios do sol. Tal é a paisagem do reino dos céus no solo purificado. Fartas colheitas de cereais abarrotam os armazéns, a pesca é abundante e as vozes de todos os seres vivos elevam-se animadas para o céu.
Desapareceram, como por encanto, as divisas entre os países, os ódios e motivos de disputa entre as raças humanas e a humanidade é abraçada pelo misericordioso peito de Kannon. O verdadeiro despertar da sabedoria divina é praticado em nosso trabalho cotidiano.
A família prospera acumulando atos virtuosos e tem a sua vida prolongada sem remédios ou medicamentos.
Concentrado, de todo o coração, de cabeça baixa e corpo curvado, peço humildemente que tais bênçãos chovam do céu, formando um mar de ilimitada bem-aventurança.
Assim seja.



     Em 23 de Dezembro de 1934, Meishu Sama procedeu à cerimôniade fundação da Igreja, de forma prévia,em Sua residência, denominada Ôshin-Dô, situada em Kôji-Mati-ku, Hiraga-tyo, em Tóquio. Sendo dia do 52º aniversário de Meishu Sama, comemorou-se essa data também, na mesma ocasião.
Foi então entoada, pela primeira vez, a oração Zenguen-Sanji, após a Amatsu-Norito.

Entoada novamente oito dias depois na cerimônia oficial da fundação da igreja, a 1º de Janeiro de 1935, passou a se constituir oração peculiar da igreja.

Na passagem da Transição da Noite para o Dia no mundo espiritual, a Zenguen Sanji, na pura acepção da palavra, evoca o insondável intento Divino, em sua penetrante, bela, fluente, límpida e harmoniosa ressonância. Descreve ainda a situação do Paraíso Terrestre que será estabelecido no futuro.

Alguns anos após a fundação da igreja no Japão, que entrara na confusa época que precedeu a 2ª Guerra Mundial, as ideologias passaram a ser rigorosamente controladas, suas palavras censuradas e as religiões oprimidas.

Em 1938, chegou-se ao ponto de se ver proibidas as atividades das novas religiões. Não obstante seu desempenho, também Meishu Sama viu-se cerceado na liberdade religiosa em face das circunstâncias, e voltou-se para um movimento de salvação pela cura.

Nesse periodo, a Zenguem Sanji não foi entoada.

Após o término da guerra, em 1945, assegurada a liberdade de crença, a igreja reiniciou suas atividades como "Nippon Kannon Kyodan" e a Zenguen Sanji novamente passou a ser entoada com a Amatsu Norito.

 Zenguem Sanji
Uyauyashiku omonmiruni.
Sesson Kanzeon Bossatsu
konodoni amorasse tamai
Komyo Nyorai to guenji
Ooshin Miroku to kashi
Meshia to narasse
Daisen sanzen sekai no sandoku o me'shi gojoku o kiyome.
Hyakusen man oku i'sai
shujo no dai nengan.
Komyo joraku eigono
ju'po sekaio narashimete.
Gofu jyuuno kuruinaku
fukukaze edamo narassu naki.
Miroku no myoo umitamoo.
Muryo muhen no daidihini, tenmarasetsumo matsuroite.
Shoaku jahouwa aratamari,
Yasha ryudinmo guedatsu nashi.
Shozen bushin kotogotoku
sono kokorozashio toguru nari
Sansen somoku kotogotoku
Sesson no itokuni nabikaite
Kinjutyugyo no suemademo
mina sono tokoroo ezarunashi
massani kore shibi jísso sekainite. Karyobingawa sorani mai
zuiuntenni tanabikeba.
Banka fukuikutini kunji
tahoo bu'to sossori tati.
Hitidoo garanwa kassumi tsutsu koganeno iraka sansanto
hini terieizu koukeiwa,
guenimo tengoku jodo nari.
Gokoku minorite kurani miti
sunadori yutakani amegashita,
iketoshi ikeru moromoro no
eragui niguiwau koegoewa
tsutsu uraurani mitiwatari.
Kunito kunitono sakainaku
hito gussa tatino nikushimiya.
Isakaigoto mo yumeto kie
í'tenshikai Kannonno
jinjino mimuneni idakaren.
Wareraga hibino segyounimo
myotio tamai shinkakuo
essashime iewa tomissakae.
Yowaiwa nagaku muiyakuni
zentoku koo kassane sasse
fukujukai muryono daikudoku. Taressasse tamae mashimasse to
nennen jushin guezatonshu
kifuku raihai negui moossu.
Miroku Oomikami
mamoritamae sakihae tamae
Miroku Oomikami
mamoritamae sakihae tamae
Meishu no Oomikami
mamoritamae sakihae tamae
Meishu no Oomikami
mamoritamae sakihae tamae
Kannagara tamatihae mase
Kannagara tamatihae mase

Quando se está sufragando espíritos de antepassados,  ao invés de "Miroku Oomikami" ou "Meishu no Oomikami", invoca-se "Kakuriyo no Ookami" que é a Entidade que cuida das almas no mundo espiritual...

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

GRATIDÃO AO GUERREIRO DA LUZ!

 GRATIDÃO AO GUERREIRO DA LUZ!

Arcanjo Mikhaël deitando por terra o dragão - símbolo da vitória sobre o eu inferior




"Vós quereis estar vivos, bem vivos? Dai à vossa natureza superior os meios para ela triunfar sobre a vossa natureza inferior. Do ponto de vista da Ciência Iniciática, os pensamentos, os sentimentos e os atos que não são inspirados pela natureza superior, que não recebem o cunho da alma e do espírito, conduzem à morte. Contudo, não deveis tentar aniquilar a vossa natureza inferior. Desde logo, porque não conseguireis, vós é que sereis aniquilados, pois ela não só é muito poderosa, como faz parte de vós. Deveis, pois, procurar apenas dominá-la, domá-la, para poderdes beneficiar da sua vitalidade e das suas riquezas.


É esta mesma ideia que é expressa no Apocalipse com a imagem do Arcanjo Mikhaël a deitar o dragão por terra. O Arcanjo não o mata, apenas o deita por terra. Do mesmo modo, o discípulo deve deitar por terra o dragão que é o seu eu inferior. Compreender o símbolo do dragão é já enfraquecê-lo. Meditai nesta imagem e ireis da morte para a vida, da escuridão para a luz, das limitações para o infinito, da escravatura para a liberdade, do caos para a harmonia."

Omraam Mikhaël Aïvanhov

o Fígado

Metafísica do Fígado – Emoções



Quando falamos no fígado, do ponto de vista energético, estamos falando do fígado propriamente, da vesícula biliar, dos olhos, dos ombros, dos joelhos, dos tendões, das unhas, dos seios, e todo o aparelho reprodutor feminino, desde ovários, trompas, útero e vagina. Por esse motivo, na MTC (medicina chinesa) se diz que o fígado é o órgão mais importante para a mulher, assim como o rim é para o homem.
A energia do fígado é responsável por manter o livre fluxo da energia total do corpo. Como o movimento do sangue segue o movimento da energia, dizemos que o fígado direciona a circulação do sangue e regula também o ciclo menstrual. Mas o papel mais importante, sem dúvida é sobre o equilíbrio emocional, é a energia do fígado quem vai nos fazer responder a todos os estímulos emocionais, 24 horas por dia sem parar; daí já se deduz o desgaste intenso ao qual é submetido este sistema, e pouquíssimas atitudes são tomadas para auxiliar o fígado nesta tarefa, pelo contrário a nossa cultura parece fazer tudo para impedir o equilíbrio. Como todas as emoções boas ou más passam pelo fígado, não devemos reprimi-las a todo momento. A repressão das emoções provoca um bloqueio da energia que vai levar à formação de calor no fígado. Este desequilíbrio energético pode se manifestar de várias formas. Dependendo da sua localização, podemos ter uma insônia, uma enxaqueca, uma precordialgia, uma hipertensão, uma gastrite, uma tensão pré menstrual, e por aí vai.
Os adoecimentos podem ser de dois tipos, por falta ou por excesso de energia, ou usando um termo mais técnico, por vazio ou plenitude. Em relação às emoções que lesam mais especificamente o fígado vamos ter, num quadro de plenitude, a raiva, mais exatamente a raiva reprimida e, num quadro de vazio, o pânico, que agora virou síndrome de pânico. Cabe aqui fazermos uma distinção entre sentimento e emoção. Os sentimentos geralmente fortalecem os órgãos e servem como mecanismos de defesa para o nosso organismo. Por exemplo, uma sensação de apreensão é diferente do medo. A primeira nos coloca num estado de alerta diante de uma certa situação, sem nos limitar em nada, nos protegendo dos perigos. O medo por sua vez nos limita e nos paralisa. A mesma coisa em relação a uma certa irritação que nos leva a reagir quando somos atacados ou nos sentimos lesados, que é diferente da raiva que tem um grau mais intenso. O importante é entender que todos os sentimentos atuam bem no organismotudo depende da intensidade e por quanto tempo.
 Da mesma forma que o sal, o orégano e a pimenta são temperos usados na alimentação, os sentimentos são o tempero da nossa existência. A qualidade de nossa vida dependerá da quantidade e da forma com que serão usados.
Como já foi dito, o fígado rege praticamente todo o sistema reprodutor feminino e é responsável por alterações no seu funcionamento que vão desde alterações no ciclo menstrual, os cistos de ovário, miomas uterinos, corrimentos vaginais, prurido vaginal, alterações da libido, como frigidez e impotênciaEm algumas doenças só a energia do fígado está em desarmonia, e em outras existe também desequilíbrio de outros órgãos.
O fígado rege as articulações do ombro e joelhos e também os tendões de modo geral. Assim sendo, as bursites e as dores nos joelhos sem causa aparente, são sinais de comprometimento da energia do fígado. As tendinites e os estiramentos freqüentes também estão neste grupo.
Os olhos são a manifestação externa do fígado, e suas patologias também vão nos indicar algumas alterações no fígado, as mais comuns são as conjuntivites, os olhos vermelhos sem processo inflamatório, os terçóis, os pontos brilhantes que aparecem no campo visual e outros.
As unhas são outra manifestação externa das condições do fígado, e as suas deformidades ou a presença de micose vão nos sugerir algum comprometimento na estrutura yin do fígado, ou desequilíbrio prolongado da energia do fígado.
Para concluir, o fígado comanda o funcionamento do sistema nervoso e é o responsável pelas alterações funcionais como as várias formas de epilepsia, as alterações no raciocínio, os desmaios e as perdas de consciência de modo geral, e as doenças degenerativas como o Parkinson.
Todo órgão está acoplado a uma víscera que, no caso do fígado, é a vesícula biliar, que em geral tem um papel secundário para o funcionamento do sistema. Resumidamente, a vesícula atua mantendo o nosso equilíbrio postural. Todos os quadros de tonturas, vertigens, labirintites estão ligados a ela. Rege a articulação têmporo-mandibular (ATM). Todas as tensões que ficaram retidas no fígado podem descarregar nesta região e produzir um quadro de ranger os dentes (bruxismo), que se manifesta mais freqüentemente durante o sonoA nível emocional a vesícula biliar comanda o nosso processo de decisão, e seus desequilíbrios vão se apresentar na forma de indecisões ou mesmo desorientações, perda de rumo.
A lágrima é a secreção interna que ajuda a aliviar o fígado. Deste fato vem a importância de não se reprimir o choro, embora nem sempre seja conveniente socialmente. Mas, pode acreditar,conter o choro faz mal à saúde.
Agora que já temos uma idéia de como é estar com a energia do fígado desequilibrada, vamos fazer alguma coisa para ajudar. O mais importante é a harmonia das emoções, isto é, as emoções não devem ser reprimidas. Nós devemos senti-las e deixá-las fluir, evitando o apego emocional. Depois, evitar os medicamentos químicos, as bebidas alcoólicas, os temperos picantes, se não puder evitar, usá-los com moderação. Na alimentação, optar pelas coisas de cor verde, e usar de preferência verduras cruas.
Faça-se uma gentileza
Observe sua respiração
Articule a mente

terça-feira, 8 de outubro de 2013

O DNA HUMANO É UMA INTERNET BIOLÓGICA



human-dnaO DNA HUMANO É UMA INTERNET BIOLÓGICA, e superior em muitos aspectos à nossa internet artificial. Pesquisas de cientistas russos explicam direta e indiretamente fenômenos como a clarividência, intuição, atos de cura espontâneos ou improváveis, técnicas de auto-cura, técnicas de afirmação, luzes/auras incomuns em volta das pessoas, influência da mente nos padrões climáticos e muito mais. Além disso, há evidências de um novo tipo de medicina nas quais o DNA pode ser influenciado e reprogramado por palavras e freqüências SEM cortar e substituir um único gene.
Apenas 10% do nosso DNA está sendo usado para construir proteínas. É este subconjunto do DNA que é do interesse dos pesquisadores ocidentais e está sendo examinado e categorizado. Os outros 90% são considerados “DNA lixo”. Os investigadores russos, no entanto, convencidos de que a natureza não produz nada sem uma função específica, juntou-se a lingüistas e geneticistas em uma aventura para explorar os 90% de “DNA lixo.” Seus resultados, descobertas e conclusões são simplesmente revolucionários! De acordo com eles, o nosso DNA não é apenas responsável pela construção de nosso corpo, mas também serve como armazenamento de dados e na comunicação. Os lingüistas russos descobriram que o código genético, especialmente nos aparentemente inúteis 90%, segue as mesmas regras que todas as nossas linguagens humanas. Para este fim, eles compararam as regras da sintaxe (a forma em que as palavras são unidas para frases formulário e sentenças), a semântica (o estudo do significado nas formas de linguagem) e as regras básicas da gramática. Eles descobriram que os alcalinos de nosso DNA seguem uma gramática regular e têm regras do jogo assim como nossas línguas. Línguas para humanos não aparecem por acaso, mas são um reflexo de nosso DNA inerente.
O biofísico russo e biólogo molecular Pjotr ​​Garjajev e seus colegas também exploraram o comportamento vibratório do DNA. [Para efeitos de concisão Vou dar apenas um resumo aqui. Para a exploração, por favor consulte o apêndice no final deste artigo] O resultado foi: “. Cromossomas vivos funcionam como  computadores solitonicos / holográficos, usando a radiação laser endógena do DNA.” Isto significa, que conseguiram modular, por exemplo, certos padrões de frequência de raio laser e com isso influenciaram a frequência de DNA e, portanto, a própria informação genética. Uma vez que a estrutura básica dos pares de DNA e da linguagem (como explicado anteriormente) são da mesma estrutura, nenhuma decodificação do DNA é necessária. Pode-se simplesmente usar palavras e sentenças da linguagem humana! Isto, também, foi provado experimentalmente! Substância de DNA vivo (no tecido vivo, não in vitro) sempre reagirá aos raios laser de linguagem moduladas e até às ondas de rádio, se as frequências apropriadas forem  usadas.
Isso explica cientificamente afinal porque  as afirmações, o treinamento autógeno, hipnose e similares podem ter efeitos tão fortes nos humanos e seus corpos. É inteiramente normal e natural para o nosso DNA reagir à linguagem. Enquanto os pesquisadores ocidentais cortam genes únicos de cadeias de DNA e os inserem em outros lugares, os russos entusiasticamente trabalham em dispositivos que podem influenciar o metabolismo celular através de frequências moduladas de rádio e de luz adequadas e assim reparar defeitos genéticos.
O grupo de pesquisa de Garjajev conseguiu provar que, com este método, cromossomos danificados por raios-x, por exemplo, podem ser reparados. Eles inclusive capturaram padrões de informação de um DNA particular e o transmitiram para outro, assim reprogramando as células para outro genoma. Desta forma eles transformaram com sucesso, por exemplo, embriões de rã em embriões de salamandra simplesmente transmitindo os padrões de informação de DNA! Desta forma a informação por inteiro foi transmitida sem nenhum dos efeitos colaterais ou desarmonias encontradas quando cortam e re-inserem genes únicos do DNA. Isso representa uma inacreditável revolução e sensação de transformação do mundo! Tudo isto pela simples aplicação da vibração e da linguagem em vez do procedimento de corte arcaico. Esta experiência aponta para o imenso poder das ondas genéticas, que obviamente têm uma influência maior na formação dos organismos do que os processos bioquímicos das seqüências alcalinas.
xamMísticos antigos, esotéricos e professores espirituais já sabiam há várias eras que nossos corpos são programáveis pela linguagem, palavras e pensamentos. Isso agora foi cientificamente provado e explicado. A freqüência, é claro, precisa ser correta. E é por isso que nem todos são igualmente bem sucedidos ou podem fazê-lo sempre com a mesma força. O indivíduo deve trabalhar nos processos internos e maturidade, a fim de estabelecer uma comunicação consciente com seu próprio DNA. Os pesquisadores russos trabalham em um método que não depende destes fatores, mas sempre funcionará, desde que usem a freqüência correta.
Porém, quanto maior é o desenvolvimento da conciência de um indivíduo, menos ele precisa de qualquer tipo de artifício! Cada um pode alcançar estes resultados por si só, e a ciência pode finalmente parar de rir de tais idéias e confirmar e explicar seus resultados. E não termina por aí. Os cientistas russos descobriram também que o nosso DNA pode causar padrões de perturbação no vácuo,com isso produzindo buracos-de-minhoca (Wormholes ) magnéticos!  Wormholes são os equivalentes microscópicos das chamadas pontes Einstein-Rosen em proximidade com os buracos negros (deixados por estrelas que se apagam). São conexões de túnel entre áreas totalmente diferentes no universo através das quais informações podem ser transmitidas fora do espaço e do tempoO DNA atrai estes pedaços de informação e as passa para a nossa consciência. Este processo de hiper-comunicaçãoé mais eficaz num estado de relaxamento. Stress, preocupações ou um intelecto hiperativo impedem a efetividade da hiper comunicação e a informação pode ser totalmente distorcida e inútil.

terça-feira, 1 de outubro de 2013

a ligação evidente entre a barriga e nossos sentimentos

Os cientistas começam a elucidar a ligação evidente entre a barriga e nossos sentimentos
 | Ilustração: Katie Scott



Pesquisando o complexo sistema nervoso que comanda a digestão, os cientistas começam a elucidar a ligação evidente entre a barriga e nossos sentimentos — e a entender o que a medicina oriental já dizia: que é preciso digerir bem o medo, a raiva e a angústia. E que físico e emocional são inseparáveis


Atire a primeira pedra quem nunca sentiu frio na barriga de medo. Ou teve de sair correndo para o banheiro em uma situação de tensão. Ou perdeu o apetite ao se apaixonar loucamente. Ou sentiu o estômago revirar diante de uma visão repulsiva. Ou engordou por ansiedade. Ninguém nega que a barriga seja um campo fértil para a somatização, o nome genérico que se dá à transformação de emoções negativas em males físicos, com consequências tão graves que chega a ser reconhecida pela Organização Mundial de Saúde. Mas por que tanto assim?

A resposta pode estar no estudo aprofundado sobre a respeitável rede de neurônios que comanda a função digestiva, e na revelação de que boa parte dos neurotransmissores que circulam pelo corpo, carregando emoções e sensações, tem origem no intestino. Incluindo a serotonina, hormônio do bem-estar.
“Na verdade, essas descobertas só dão base concreta ao que já sabíamos intuitivamente”, diz Marcílio Hubner de Miranda Neto, médico e coordenador do Laboratório de Pesquisas em Neurônios Entéricos da Universidade Estadual de Maringá (PR). “A vida emocional tem relação direta com os hábitos alimentares, e o funcionamento da digestão é diretamente influenciado pelas emoções”.
Cada uma à sua maneira, as medicinas, filosofias e religiões orientais conhecem e explicam essa via de mão dupla há milênios. Os japoneses acreditam que é na barriga que se sente, se pensa, se tomam decisões, se guardam segredos. A importância do hara na cultura japonesa se reflete em uma coleção de expressões populares, envolvendo a barriga, de fazer inveja às nossas, que não são poucas (leia o boxe “A voz das tripas”).
O sistema de chacras, que sustenta até hoje a medicina hindu e está na base da filosofia dos iogues, relaciona intimamente emoções e órgãos. Descritos pela primeira vez nos Vedas, textos hindus datados de 2 mil anos antes da era cristã, os chacras (roda, em sânscrito) são sete redemoinhos de energia que se alinham ao longo da coluna. Cada um tem a incumbência de distribuir o nutriente que vem da respiração – o prana – a um grupo específico de órgãos; e a cada um cabe processar pensamentos e sensações específicos.
A barriga abriga dois chacras importantes: o segundo, swadhisthana, ligado ao aparelho reprodutor, ao impulso sexual e às funções de desintoxicação; e o terceiro, o manipura, que o guru brasileiro Sri Prem Baba define como “a sede do poder de realização e do ego” (leia entrevista a Arthur Veríssimo nas páginas a seguir).
Se os chacras não funcionam bem, por algum desequilíbrio, podemos reter sentimentos como medo, raiva e angústia, explica Simone Caldeira, terapeuta corporal que usa o toque para trabalhar a integração craniossacral. Os órgãos podem ter ou não sua função otimizada, dependendo de como a energia flui por eles. “Se o chacra está bloqueado, as funções físicas e emocionais também estão”, diz. Nesse pensamento, físico e emocional “são uma coisa só”.

“A região abdominal é nosso centro de energia. É como se fosse uma segunda mente”, monja Coen

A medicina tradicional chinesa, que considera a barriga “o centro do homem”, estabelece com precisão como cada emoção negativa altera o funcionamento dos órgãos. “Baço, pâncreas e estômago metabolizam a comida, transformando-a em um substrato sem o qual nada no corpo funciona”, diz o acupunturista Marcius Luz, de São Paulo. “Se a energia dos órgãos se desequilibra, o substrato acumula, gerando obesidade, por exemplo.”
A desarmonia pode vir de excessos alimentares ou emocionais: para os chineses, preocupação excessiva e pensamentos obsessivos esgotam a energia do baço, e a raiva afeta o fígado.
O segundo cérebro
Praticada há 5 mil anos na Índia e cada vez mais conhecida no resto do mundo, a ayurveda tem uma imagem curiosa para a digestão. Segundo essa medicina, a barriga abriga o agni, um fogo metabólico que processa não só comida, mas tudo que experimentamos: emoções, memórias, sensações. Se o agni é ou está fraco, toxinas e emoções se acumulam, gerando dor, suscetibilidade à infecção e obesidade, assim como depressão, fadiga e dificuldade de se manifestar. “Por isso, o abdome é o centro das emoções”, diz Erick Schulz, vice-presidente da Associação Brasileira de Ayurveda.
“A região abdominal é nosso centro de energia. É como se fosse uma segunda mente”, diz a monja Coen, fundadora da Comunidade Zen-budista, em São Paulo. Nesse ponto, a neurociência tende a concordar. Com 100 milhões de neurônios acomodados do esôfago ao ânus – mais do que o resto do sistema nervoso periférico inteiro –, o aparelho digestivo é, de fato, um segundo cérebro.
O primeiro a dizer isso com todas as letras, em 1996, foi o neurobiólogo norteamericano Michael Gershon, que chefia o departamento de anatomia e biologia celular da Universidade Columbia, em Nova York. Em seu livro The Second Brain, ele explica que, para administrar cada reflexo, espasmo e mudança química necessária à transformação dos alimentos – do esôfago ao estômago, do intestino delgado ao cólon –, o aparelho digestivo precisa avaliar cada situação, decidir-se por uma linha de ação e iniciar movimentos. Daí ser relativamente autônomo em relação ao cérebro, e daí envolver tantos circuitos de neurônios, neurotransmissores e proteínas.
“O intestino realiza funções de alta complexidade. Se ele não pensa de forma autônoma, como o cérebro, é certamente embarcado com grande inteligência”, diz Luiz Guilherme Correa, médico formado pela Universidade de São Paulo (USP), onde também cursou filosofia, e especializado na medicina tradicional indiana. Essa complexidade deve explicar, acredita Gershon, por que doenças como ansiedade, depressão e síndrome do intestino irritável se manifestam de formas associadas no cérebro e no aparelho digestivo. Grosso modo, nossos pensamentos e emoções são influenciados pelo que acontece nos intestinos, e vice-versa.
E tem mais. “Sabemos, pela neurociência, que 90% da serotonina não é produzida no cérebro, mas no abdome, na região do intestino e do fígado”, diz Ricardo Ghelmam, que coordena o Núcleo de Medicina Antroposófica da Universidade Federal do Estado de São Paulo (Unifesp). “Então, se uma pessoa tem depressão, por exemplo, isso não é um problema de cabeça, mas do metabolismo digestivo.” Para a medicina antroposófica, o abdome está ligado à vitalidade e à força de vontade.
Com tantos fios conectando emoções e digestão, parece claro que, para o bem da barriga, é preciso cuidar da cabeça – e vice-versa. “Se você quiser aumentar a serotonina, a vontade de viver, o impulso de vida, tem de estimular essa força metabólica ligada à barriga”, diz Ghelmam. “O sedentarismo e a alimentação pobre em fibras vão na direção oposta disso, gerando doenças crônicas degenerativas, como diabetes, hipertensão e até câncer.”
Fortalecer a musculatura do abdome por meio de práticas voltadas diretamente para ela, como ioga, tai chi e pilates, também é uma forma de estimular as funções digestivas – e, por consequência, serenar as emoções. A monja Coen sugere um começo: “Respirar de forma consciente, profunda e suavemente, sentindo o abdome se expandindo e retraindo, é o caminho para nossa casa do tesouro, que jamais se exaure”.
Respirar fundo é básico, concorda Simone Caldeira. Para se sentir melhor e para não ter barriga proeminente. “O diafragma, responsável pela respiração, é um músculo intimamente ligado ao medo e ao estresse. Em estresse, ele ‘respira curto’, e isso causa dezenas de problemas”, explica. Na floresta, os animais respiram curto para não serem ouvidos pelos predadores. “A respiração faz um barulhinho que, na floresta, pode custar a vida”, diz. Pela mesma razão instintiva, homens e mulheres encurtam a respiração quando têm medo. “Em cidades como São Paulo, o predador está presente o tempo inteiro, na forma do chefe, do rival, da violência. Então a gente respira curto sem notar.” Com a tensão que isso gera, o diafragma é empurrado para baixo, na direção do chão, pressionando todos os órgãos e forçando o abdome para frente. “Os homens têm muito isso. E aí pode malhar quanto quiser que a barriguinha não sai.”  
Katie Scott

A voz das tripas

Expressões idiomáticas em várias línguas põem emoções como medo, raiva e vontade no devido lugar: a barriga

A ligação entre emoções e barriga pode ser um mistério que só agora a ciência ocidental começa a elucidar. Mas, na língua do dia a dia, sempre foi dada como certa. E não só na nossa. Entre as sensações “estomacais” universais que ganham expressão inclui-se aquele misto característico de ansiedade, excitação e medo. Em inglês e alemão, borboletas no estômago; em espanhol, bolhas de sabão na barriga; aqui, frio na barriga.
Usamos soco no estômago para falar tanto de agressão física quanto de qualquer outra que pegue no lugar certo. E não somos os únicos a confundir náusea física e desgosto ético: em inglês, francês, espanhol e alemão, algo revoltante dá vontade de vomitar.
Se em português é preciso ter estômago para aguentar uma situação aviltante, em inglês a expressão equivale a querer. A cultura anglosaxônica também põe coragem e intuição na barriga. Ter tripas é ter, digamos, colhões; e sentir nas tripas é ter uma revelação.
Nada se compara, porém, à barriga dos japoneses. O hara não é só abdome, intestino, estômago. É onde moram coragem, determinação, vontade, imaginação e entendimento, além do lugar onde as decisões são tomadas.
Assim, barriga grande é metáfora para mente aberta; barriga pequena, para pobreza de espírito; barriga dura equivale ao nosso “coração de pedra”; ler o estômago de alguém é entender a intenção alheia; ir pela barriga, agir com integridade; guardar na barriga, manter segredo.
Quando os japoneses ficam bravos, a barriga ferve. Já para os franceses, estar com o coração na barriga equivale a ter “sangue nos olhos”. A barriga dos franceses também é uma espécie de ponto fraco, em matéria de honra: pisar na barriga de alguém é passar por cima da pessoa. Idem para os alemães, que chamam fracasso de barrigada.
fonte: revista TRIP

Quiche bem nutritivo, vegetariano e levinho

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Crosta:
3 xícaras de raízes ralada ( As mais firmes são melhores:  1 xícara de mandioquinha,  1 de batata doce, e  1 de cenoura.)
1 colher de chá de sal marinho
2 colheres de sopa de manteiga
1/3 xícara de farinha de quinoa, arroz, ou outra farinha integral
Recheio:
¼ xícara de abobrinha, em fatias finas
2 tomates pequenos e firmes, em fatias finas, secados com papel toalha
1 xícara de pontas de aspárago
4 ovos mexidos, preferivelmente orgânicos
¼ xícara de leite integral, fresco, e preferivelmente orgânico
½ colher de chá de sal marino
1 colher de sopa de tomilho fresco
um pouquinho de noz moscada, ralado na hora
¼ xícara de queijo firme, mas não duro, ralado grosso (queijo de cabra, mussarela de búfala)
Pimenta do reino moída na hora
  • Pré equesa o forno a 190 graus.
  • Salpique a abobrinha e o tomate com um pouco de sal para tirar o liquido.
  • Cozinhe o aspárago no vapor, 5 minutos.
  • Junte os raízes, a farinha, a manteiga, e o sal num processador de alimentos para 5-10 segundos.  Coloque a  massa numa forma de 23cm, pressionando bem a massa na forma.
  • Coloque no forno e deixe ela dourar.
  • Misture os ovos, o leite, o sal e o tomilho numa tigela.
  • Quando a crosta ficar pronta, salpique ela com queijo — o bastante para cobrir a massa.
  • Coloque a abobrinha em cima do queijo, depois os tomates.
  • Esparrame a mistura dos ovos em cima dos legumes.
  • Arranje o aspárago em cima e polvilha o quiche com pimenta do reino.
  • Coloque no forno e deixe ate ficar firme por dentro, aproximadamente 30-40 minutos.
por: Nicole Capobianco

Teste Lúdico de Personalidade!






Olhe para a árvore e escolha imediatamente a que mais é atraente para você .
Não pense sobre isso por muito tempo, é só escolher e descobir o que sua escolha diz sobre sua personalidade.


OS RESULTADOS !

1 . Você é uma ( não confundir com moralização ) pessoa generosa e moral. Você sempre trabalhar em auto aperfeiçoamento. Você é muito ambicioso e tem padrões muito elevados . As pessoas podem pensar que a comunicação com você é difícil, mas para você , não é fácil de ser quem você é . Você trabalha muito duro, mas você não é egoísta. Você trabalha porque quer melhorar o mundo. Você tem uma grande capacidade de amar as pessoas até eles te machucarem. Mas, mesmo assim você continuar amando . Poucas pessoas apreciam tudo no mundo como você.

2 . Você é uma pessoa honesta e divertida. Você é muito responsável e gosta cuidar dos outros, por que se preocupa com eles e aceita muitas responsabilidades relacionadas ao trabalho. Você tem uma personalidade muito boa e as pessoas confiam em você facilmente. Você é brilhante , inteligente e de pensamento rápido. Você sempre tem uma história interessante para contar.

3.Você é uma pessoa inteligente e atenciosa. Você é um grande pensador . Seus pensamentos e suas idéias são muito importante para você. Você gosta de pensar sobre suas teorias e pontos de vista só. Você é um introvertido . Você se dá bem com quem gosta de pensar e aprender. Você gasta muito tempo , pensando sobre a moralidade . Você está tentando fazer o que é certo, mesmo que a maioria da sociedade não concorda com você.

4 . Você é uma pessoa perspicaz e filosófica. Você é intuitivo e um pouco peculiar . É muitas vezes incompreendido , e isso te machuca . Você precisa de espaço pessoal. Sua criatividade precisa ser desenvolvida , você busca o respeito dos outros. Você é uma pessoa que vê claramente os lados claro e escuro da vida. Você é muito emocional.

5. Você é auto -confiante e responsável . Você é muito independente. Seu princípio orientador na vida é ' eu vou fazer do meu jeito " . Você é muito auto confiante e sabe como ficar forte para si e para as pessoas que você ama . Você sabe exatamente o que quer e não tem medo de perseguir seus sonhos . A única coisa que demanda de pessoas é a honestidade. Você é forte o suficiente para aceitar a verdade.

6. Você é gentil e sensível. As pessoas se relacionam muito bem com você. Você tem muitos amigos e adora ajudá-los. Você tem essa aura quente e brilhante que faz as pessoas se sentir bem quando estão ao seu redor. Todos os dias, você pensa sobre o que você pode fazer para melhorar a si mesmo . Você quer ser interessante , perspicaz e único. Mais do que qualquer outra pessoa no mundo , você precisa amar. Você está pronto para amar sem esperar que te ame de volta .

7. Você é feliz e sereno . Você é uma pessoa muito sensível e compreensivo. Você é um grande ouvinte e não faz julgamnetos . Você acredita que todo mundo tem seu próprio caminho na vida. Você está aberto a novas pessoas e eventos. Você é altamente resistente ao estresse e raramente se preocupe. Normalmente , você é muito relaxada. Você sempre conseguem dirigir seu tempo e nunca perder o seu caminho .

8. Você é charmoso e energético. Você é uma pessoa divertida , sabe fazer as pessoas rirem. Você vive em um estado de harmonia com o universo. Você é espontâneo e entusiasta. Você nunca diz não para uma aventura. Muitas vezes , você surpreendentes e até mesmo choca as pessoas com sua espontaneidade . Mas isso é apenas como você é... Você sempre permanecer fiel a si mesmo . Você sempre busca aprender mais sobre alguma coisa que te interesse e você não descansa até que você adquira o conhecimento profundo e necessário de determinada área ou assunto.

9. Você é otimista .Você acredita que a vida é um presente e tentar aproveitar o máximo possível dela. Você é muito orgulhoso de suas realizações. Você gosta de conviver com as pessoas que se preocupam com o todo . Você tem uma abordagem muito saudável para a vida. Você é transparente com o vidro. Você pode usar qualquer oportunidade para perdoar, aprender e crescer, porque você acredita que a vida é muito curta para fazer o contrário.